Nova máquina analisa choro do bebê para detectar problemas neurológicos

Como estimular a fala da criança
16/03/2018
10 habilidades emocionais que as crianças precisam desenvolver…
21/03/2018
Exibir tudo

Nova máquina analisa choro do bebê para detectar problemas neurológicos

O choro do bebê pode significar mais do que desconforto, dor, fome ou fralda suja. Um grupo de cientistas do Hospital da Mulher e da Criança da Universidade de Brown, Estados Unidos, inventou uma máquina que analisa o choro para detectar problemas neurológicos e de desenvolvimento.

De acordo com Stephen Sheinkopf, um dos líderes da pesquisa, a ferramenta será capaz de identificar bebês com trauma ou lesão no cérebro em decorrência de complicações na gravidez, prematuros e até crianças com algum grau de autismo.

O sistema opera em duas fases. Durante a primeira, o computador grava o choro e separa o som em frames (partes) de 12, 5 milisegundos. Cada uma destas partes são analisadas de acordo com uma série de parâmetros, que incluem frequência, volume acústico e voz. A segunda etapa utiliza os dados colhidos para dar uma visão mais ampla do choro e reduz o número de parâmetros para aqueles que são mais úteis. Ao final, o sistema avalia 80 parâmetros diferentes, cada um dos quais pode conter pistas sobre a saúde do bebê.

“Nós sabemos há muito tempo que pessoas com síndromes como autismo produzem sons e vocalizações que são atípicas. Nesse sentido, o choro pode ser uma janela para o cérebro”, declarou o pesquisador Barry Lester, em comunicado oficial.

%d blogueiros gostam disto: