10 profissões que os pais aprendem com a chegada dos filhos

Quer ensinar matemática? Use brinquedos inusitados
02/05/2018
Como ficam as amizades depois da chegada dos filhos?
04/05/2018
Exibir tudo

10 profissões que os pais aprendem com a chegada dos filhos

Pare por um minuto e tente puxar na memória como era a sua vida antes de ter filhos. Certamente, você tinha mais algumas horas de sono e menos preocupações, mas também não sentia o maior amor do mundo. Aquele que é capaz de transformar o dia a dia de tal forma a ponto de fazer você desenvolver habilidades que fica difícil acreditar. Quer ver só? Nós conversamos com a psicóloga Rita Calegari, do Hospital São Camilo (SP) e ela nos ajudou a listar as profissões que aprendemos com a chegada dos filhos. Confira!

Ginasta

Essa mudança começa ainda na gravidez, quando o eixo de equilíbrio da mulher muda por conta da barriga e, mesmo assim, você usa salto alto com naturalidade. Depois, vai notar que, em nenhum outro período da sua vida adulta, você vai agachar, levantar, sentar de perna de índio, dançar e pular como nos primeiros anos do seu filho. E mais: vai aprender a carregar muitos objetos e apetrechos ao mesmo tempo. Tudo isso com um bebê no colo e muitas vezes de salto alto. Se estiver chovendo, vai ser capaz de desviar dos pingos e proteger as crianças mesmo sem guarda-chuva. E naquela noite que o seu filho corre para o seu quarto, você vai ser capaz de dormir se equilibrando na beira da cama.

Artista

Logo que o bebê nasce, o tom de voz muda. Você se torna capaz de fazer gracinhas, caretas, palhaçadas, compor novas músicas, imitar os personagens preferidos da criança e até dançar para ver um sorriso no rosto do seu filho. Além disso, você vai desenhar, pintar, rabiscar e contar histórias como um verdadeiro artista. Existe plateia melhor do que essa?

Ecologista

Em que mundo seu filho vai viver quando crescer? Depois que se torna pai ou mãe, você passa a se preocupar muito mais com a natureza justamente na esperança de que ele encontre um lugar melhor para viver. De repente, você se vê às voltas com a reciclagem do lixo, ainda mais preocupado em economizar água e em apresentar ao seu pequeno todos os animais que correm o risco de entrar em extinção. Vai notar que as visitas ao zoológico se tornarão mais frequentes e quem sabe você pode até se encantar por um novo animal de estimação.

Administrador

Quem não sonha com uma casa maior para criar os filhos com mais liberdade? Ou busca mais conforto para poder levar as crianças para muitos lugares? Para que tudo isso aconteça, é preciso se organizar financeiramente. É por isso que, após a chegada dos filhos, você aprende a administrar melhor o dinheiro e também o tempo para poder curtir ainda mais as crianças.

Educador

Educar um filho é o maior desafio para os pais. É por isso que essa vai ser a principal profissão que você vai aprender. Diante das situações mais adversas, você vai se perguntar se está agindo e orientando a criança do jeito certo. Vai aprender a ceder, impor limites e também será o melhor professor para ela naquela matéria que tiver mais dificuldade. Pode ser história, matemática, geografia e até física. Você vai saber ajudá-la. E a resposta de todo esse esforço para criar e formar seu filho vai aparecer a longo prazo em formato de orgulho e certeza de que tudo valeu a pena.

Médico

Basta um sintoma diferente para você imaginar muitos diagnósticos para o seu filho. Mãe ou pai tem disso mesmo. Quer se antecipar ao pediatra (de verdade!) e resolver a dor ou qualquer problema que a criança estiver sentindo. Com a experiência, passa realmente a entender de curativos, dos sintomas físicos e até emocionais e da medicação. Quantas vezes seu filho chegou mais quieto da escola e você sentiu que alguma coisa não estava certa mesmo antes do exame apontar qualquer problema? Mais aqui um lembrete que nunca é demais: jamais medique o seu filho por conta própria!

Investigador de polícia

Assim como um médico que está sempre atento a qualquer sintoma, você também sabe se o seu filho está triste, preocupado, animado, inseguro e até com medo. Com o passar dos anos, cria situações para descobrir o que ele está fazendo na internet ou em uma roda de amigos. Reúne pistas para desvendar verdadeiros mistérios durante a pré-adolescência. Com tantos gadgets disponíveis, a tendência é que essa habilidade se torna ainda melhor.

Motorista

Logo que o bebê nasce, o único compromisso é levá-lo ao pediatra. Mas alguns anos depois, além da escola, tem a natação, o balé, o futebol, a aula de inglês, a festa, o cinema… E, de repente, você se torna motorista e passa a usar seus conhecimentos de administrador (lembra?) para combinar os seus horários com os do seu filho…

Inventor

Entre um compromisso e outro, você pega um congestionamento com o seu filho. Para evitar uma crise choro ou tédio, você começa a inventar um montão de novas brincadeiras. Isso também acontece quando a despensa da casa está vazia e é preciso improvisar uma refeição. Com poucos ingredientes, você é capaz de inventar um prato delicioso. E ainda quando você tem que inventar as mais curiosas respostas para aquelas perguntas que as crianças insistem em fazer… Quem foi que disse que pai ou mãe não se torna inventor e até mágico de vez em quando?

Juiz

Diante de uma briga entre irmãos é difícil tomar partido, mas, enquanto pai e mãe, isso vai fazer parte do seu dia a dia. Você vai se sentir diante de um tribunal com aqueles olhares das crianças em busca de uma orientação: Quem está certo, então? Mais difícil é quando a confusão acontece entre seu filho e um amigo. Haja senso de justiça!

%d blogueiros gostam disto: